Poemas en Portugués, trava- línguas, Landainhas


EDUCADORES DE INFANCIA. EDIBA
JOANINHA VOA VOA



QUE O TEU PAI ESTÁ EM LISBOA
A TUA MÂE  NO MOINHO
A COMER PÂO COM TOUCINHO
 
JOANINHA VOA VOA
QUE O TEU PAI ESTÁ EM LISBOA
COM UM RABINNHO DE SARDINHA
PARA COMER, UQE MAIS NÂO TINHA
Tradicional
 
 

UM DIA, OS ANIMAIS 

JUMTARAM-SE EM REUNIÂO

PARA TODOS DECIDIREM

ONDE VÂO PASSAR O VERÂO,

 

QUERIAM FECHAR A FLORESTA

SÓ UNS DIAS PARA DESCANSAR,

E SAIR DE MALAS FEITAS


POR AÍ A VIAJAR.

O SENHOR URSO PROPÓ S

 
ALUGAR UM CAMIÂO,

MAS A ZEBRA E A RÂ

PREFEREM IR DE AVIÂO.

O LEÂO E OS SEUS FILHOTES

QUEREM IR ATÉ AO MAR:

TODOS JUNTOS NUM VELEIRO,

SOBRE AS ONDAS NAVEGAR.

OS COELHOS SALTITÔ ES

TIVERAM UMA GRANDE IDEIA:

IR POR AÍ DE BICICLETA

E PARAR SÓ PARA A CEIA.

<< O MELHOR É UM BOM CARRO!>>

DIZEM AS PEQUENAS FORMIGAS

E APLAUDIRAM CONTENTES,

AS CIGARRAS, SUAS AMIGAS.

“DEIXEM-SE DE PALERMICES!”

DISSE A ÁGUIA- REAL,

“UM SUBMARINO AMARELO

É ALGO FENOMENAL”

DE REPENTE OUVIU-SE A VOZ

VINDA DE UMA ÁRVORE BEM ALTA,

DONA CORUJA QUER IR,

MAS DE ELÉTRICO, SEM FALTA.

A GIRAFA FRAZIU O CENHO

E FALOU LÁ DAS ALTURAS:

“ESQUEÇAM AS DISCUSSÔ ES!

QUERO É VIVER AVENTURAS!”

“DE BICICLETA OU SUBMARINO,

DE BARCO, COMBOIO OU AVIÂO,

O MELHOR É SEREM AMIGOS

E JUNTAREM-SE EM EXCURSÂO”.

FECHARAM À CHAVE A FLORESTA

E PREPARARAM TUDINHO,

O IMPORTANTE É VIAJAR,

E NÂO IMPORTA O DESTINO.

 En Castellano....

UN DÍA, LOS ANIMALES

SE REUNIERON A CHARLAR

Y TODOS JUNTOS PENSARON,

LO BONITO QUE ES VIAJAR.

QUERÍAN CERRAR EL BOSQUE

UNOS DÍAS NADA MÁS,

Y SALIR CON LAS MALETAS

DE PASEO, A DESCANSAR.

EL SEÑOR OSO PROPUSO

ALQUILAR UN GRAN CAMIÓN,

PERO LA CEBRA Y LA RANA

PREFIEREN IR EN AVIÓN.

EL LEÓN Y SUS HIJITOS

QUIEREN LLEGAR HASTA EL MAR:

TODOS JUNTOS, EN VELERO

POR LAS OLAS NAVEGAR.

LOS CONEJOS SALTARINES

TIENEN UN BONITO PLAN:

UNA BICI CON RUEDINES

SERÍA UNA IDEA GENIAL.

“¡LO MEJOR ES UN BUEN COCHE!”

DIJO LA FAMILIA HORMIGA

Y APLAUDIERON MUY CONTENTAS

LAS CIGARRAS, SUS AMIGAS.

“¡DEJAROS DE TONTERIAS!”

HABLÓ EL ÁGUILA REAL

“UN SUBMARINO A MARILLLO

ES ALGO FENOMENAL”.

DE PRONTO SE OYÓ UNA VOZ

QUE DE UN ÁRBOL PROCEDÍA

Y DOÑA LECHUZA DIJO:

“¡NOS IREMOS EN TRANVÍA!”

LA JIRAFA, FRUNCE EN CEÑO

Y HABLÓ DESDE LAS ALTURAS

¡OLVIDAD LAS DISCURSIONES!

¡QUIERO VIVIR AVENTURAS!

“EN BICI O EN SUBMARINO,

EN BARCO, EN TREN O EN AVIÓN

LO MEJOR ES SER AMIGOS

Y JUNTOS IR DE EXCURSIÓN.”

CERRARON CON LLAVE EL BOSQUE

Y PREPARARON MALETAS,

 LO IMPORTANTE ES EL CAMINO

LO DE MENOS ES LA META.

MENCHU CUESTA PÉREZ.

 

QUEM ACORDA O SOL QUE AINDA NÂO ACORDOU?

O SOL ADORMECEU!

O QUE É LHE ACONTECEU?

- EU ACORDO –O!-

DISSE UM ESQUILO,

DEU-LHE UM BEIJINHO E FEZ-LHE

COCEGUINHAS.

MAS O SOLZINHO...NÂO ACORDOU.

- EU ACORDO –O!-

GRITOU A RÂ,

E CHAMOU-O COACHANDO

COM MUITA VONTADE.

MAS O SOLZINHO...NÂO ACORDOU.

- VAIS COMER RICAS CENOURAS

SE ABRIRES OS OLHINHOS-

DISSE A MAMÂ COELHA

E OS SEUS TRÊS COELHINHOS.

MAS O SOLZINHO...NÂO ACORDOU.

- ASSIM NÂO CONSEGUIRÂO!

EU SOU O GALO E NUNCA FALHO-.

E SABEM O QUE ACONTECEU?

CANTOU MUITO FORTE:

COCOROCOOOOOÓ!

E O SOLZINHO DORMINHOCO....

LÁ SE ESPREGUIÇOU!!!




O VERÂO CHEGOU (EDUCADORES INFANCIA)

HOJE, O SENHOR SOL

ENGANOU-SE NA ESTAÇÂO:

PÔS UM GORRO E UM CACHECOL,

E SAIU COM CASACÂO.

“MAS JÁ ESTAMOS NO VERÂO!”,

GRITAMOS NÓS SEM PARAR,

MAS LÁ ESTÁ ELE DE GORRO

E NADA DE AQUECER O AR.

ESCREVEMOS ENTÂO UMA CARTA

QUE LHE FAZEMOS CHEGAR

NUM FOGUETE MUITO GRANDE,

NUMA NAVE ESPACIAL.

NA CARTA TODOS DIZEMOS QUE PONHA O FATO DE BANHO

E QUE O SEU BAFODERRETA

UM GELADO DESTE TAMANHO (fazer o gesto).

QUEREMOS DIAS MAIS LONGOS

PARA À BOLA PODER JOGAR

E QUE NA AREIA DA PRAIA

CASTELOS SURJAM PARA A AR.

A CARTA CHEGOU AO DESTINO

COM UM SELO DE MUITAS CORES.

O SENHOR SOL FOI INFORMADO:

O VERAÔ CHEGOU, MEUS

AMORES.



ALGUNS SÂO SELVAGENS,

E OUTROS, MANSINHOS,

 SE QUERES DIGO O NOME

DOS ANIMAIZINHOS.

SALTA O CANGURU;

COM PESCOÇOS ENORME,

ESTA É A GIRAFA;

O LEÂO CABELUDO

NÂO USA MARRAFA.

BAMBOLEIA_SE O PATO

AO PÉ DA LAGOA,

E O SAPO DIZ À TARTARUGA:

“ESTÁ BOA?”

ESSES CHEIOS DE PÉS

SÂO AS CENTOPEIAS.

HÁ ESPÉCIES BONITAS

E OUTRAS SÂO....FEIAS!

SE NÂO TENS TONTURAS

DÁ DEZ VOLTAS, DEZ.

DOU UMA VOLTINHA,

DEPOIS DUAS, TRÊS.

SENTO- ME NO CHÂO,

CANSEI-ME DE VEZ!



ERA UMA VEZ UM CONTO

AO CONTRÁRIO, TENS

DE DAR-LHE A VOLTA

SE O QUISERES LER.


 
ERA UMA VEZ UM GATO

QUE, QUANDO ESTAVA

TRISTE, MIAVA COMO UM PATO.

 

ESTE É UM CONTO MUITO

CURTINHO QUE SÓ PODE

OUVIR QUEM É PEQUENINO.

 

ESTE É O CONTO QUE NUNCA

MAIS ACABA, CONTA QUE

CONTA A VOLTA A CONTAR.

 ALFA NO JARDIM DE INFANCIA. PORTO EDITORA. 3-4 ANOS Y
 ALFA NO JARDIM DE INFANCIA 4- 5 ANOS PORTO EDITORA.

ESTA É A HISTÓRIA DA DONA

COLHER QUE DE MANHÂ NÂO

QUER COMER.

ESTA É A HISTORIA DO SR. GARFO

QUE PASSA AS NOITES Á GARFADA.

ESTA É A HISTORIA DA D. FACA

QUE SÓ QUER CORTAR

PAPO-SECOS.

 

AMARELO

O CANÁRIO É AMARELO

AMARELO, AMARELINHO

COMO A GEMA DO OVO

E TAMBÉM O PINTAINHO!

María Joâo Mateus Olinda Moreira Vieira

 

VERMELHO
VERMELHOS, VERMELHINHOS

SÂO OS FRUTOS NO POMAR:

CEREJA, MORANGO, MAÇÂ,

AMORA E ROMÂ

E TODOS EU QUERO PROVAR!

María Joâo Mateus Olinda Moreira Vieira

OS DEZ DEDOS

TENHO DEZ DEDOS NAS MÂOS

CINCO NESTA E CINCO NESTA

OS MEUS DEDOS TUDO PODEM

E DE TUDO SÂO CAPACES.

SE FECHO AS MÂOS NÂO OS VEJO.

QUANDO AS ABRO VEJO ENTÂO.

MEXO PARA CIMA, MEXO PARA BAIXO

E DESPOIS...JÁ CÁ NÂO ESTÂO!

Tradicional.


A ORQUESTRA

COM O MAESTRO A DIRIGIR

SEJA MOZART OU CHOPIN,

OS MÚSICOS TOCAM JUNTINHOS

COMO BAGOS DE UMA ROMÂ.



O NOME DESSE CONJUNTO

QUE DA MÚSICA FAZ A FESTA

NÂO TEM NADA QUE ENGANAR:

CHAMA-SE APENAS ORQUESTRA.

Jose Jorge Letria
MEXO O MEU CORPO

OLHA COMO MEXO A MÂO
OLHA COMO MEXO OS PÉS;
OLHA COMO MEXO A CABEÇA
VAMOS COMENÇAR OUTRA VEZ.
(Paco Arribas)

COELINHO

DE OLHOS VERMELHOS

E PELO BRANQUINHO

AOS SALTOS BEM ALTOS

EU SO UM COELINHO

 

COMI UMA CENORA

COM CASCA E TUDO

ELA ERA ASSIM TÂO GRANDE

QUE EU FIQUEI UM BARRIGUDO

 
AOS SALTOS P´RA FRENTE

AOS SALTOS P´RA TRÁS

EU SOU UM COELHINHO

DE QUE TUDO SOU CAPAZ.

Tradicional

AZUL

AZUL, AZULINHO, AZULÂO

É A COR DO MEU BOTÂO.

AZUL FICA O CEO ANTES DA NOITE CHEGAR

E AO LONGE É A COR DO MAR.

María Joâo Mateus Olinda Moreira Vieira

 

UMA GALINHA

UMA GALINNHA VIVE A CANTAR

PELO QUINTAL A TRABALHAR

ANDA MUITO ATAREFADA

COM A SUA NOVA NINHADA!

María Joâo Mateus Olinda Moreira Vieira

ERA UMA VEZ UM MOLEIRO- PRIMAVERA

ERA UMA VEZ UMA FLORINHA.

QUE CHEIRAVA MUITO BEM.

ERA AMARELA, AMARELINHA

TINHA UM PÉ E UMA FOLHINHA TAMBÉM.



MAS VEIO UM DIA UM VENDAVAL,

E A FLORINHA NÂO SE PÔDE AGUENTAR.

PARTIU O PÉ, PARTIU O PÉ

E A FLORINHA COMEÇOU LOGO A CHORAR.

 

O JARDINEIRO, QUE ERA ESPERTO

A CORRER FOI CONSERTAR.

PÔS-LHE UMA ESTACA, REGOU-A MUITO BEM

E A FLORINHA COMEÇOU LOGO A CANTAR.

LÁ,LÁ, LÁ, LÁ, LA, LÁ......

Tradicional adaptado



SE É BRANCA A GATA GATINHA


E É BRANCO O GATO GATÂO


COMO É QUE SÂO OS GATINHOS?


- OS GATINHOS ELES SÂO,


SÂO TODOS AOS QUADRADINHOS.


(Sidónio Muralha)

EU SOU UMA FLOR
E CHAMO-ME MARGARIDA.
AS MINHAS PÉTALAS SÂO BRANCAS
E SOU MUITO QUERIDA.
(Carmen Calvo)

VERÀO

JÁ NASCE O TRIGO

JÁ TEMOS PÂO!

JÁ CANTA O CUCO

JÁ TEMOS VERÂO.

Everest editora.

 
OUTONO

LÁ VAI UMA

LÁ VÂO DUAS

DUAS FOLHINHAS A VOAR

O VENTO A SOPRAR...

DEITA AS FOLHAS AO CHÂO

EU VOU CORRER PARA AS APANHAR!

María Joâo Mateus Olinda Moreira Vieira


ADIVINHA


ANDO SEMPRE COM MEU DONO,

ORA ABERTO ORA FECHADO.

COMO SOU EU QUE O PROTEJO,

TRAZ-ME MUITO ESTIMADO

(O GUARDA- CHUVA) 

NATAL

O NATAL ESTÁ A CHEGAR

VAMOS TODOS FESTEJAR

A ALEGRIA ESTÁ NO AR

COM A FAMILÌA VAMOS CANTAR...

FELIZ NATAL!!!

María Joâo Mateus Olinda Moreira Vieira

MENINO JESUS DO CÉU

MENINO JESUS DO CÉU

ESCREVI-TE UM LINDO POSTAL

PARA ME MANDARES BRINQUEDOS

NO DIA DE NATAL.



MENINO JESUS DO CÉU

DE SEDA ERA O MEU POSTAL

NÂO TE ESQUEÇA A MINHA RUA

NA NOITE DE NATAL


FELIZ NATAL!!

SOU PEQUENO, SOU REGUILA

MAS NÂO ME LEVEM A MAL

EU SÓ VIM AQUI AO PALCO

DESEJAR : FELIZ NATAL!

APROVEITO, JÁ AGORA,

COMO AQUI SE ESTÁ TÂO BEM:

FELICIDADES PARA TODOS

NO ANO NOVO QUE AÍ VEM!
LAVAR OS DENTES

UM COPO COM ÁGUA

UMA ESCOVA E PASTA

PARA LAVAR OS DENTES

É O QUE ME BASTA.


ESFREGO, ESFREGO, ESFREGO

MUITO ESFREGADINHO

COM OS DENTES LAVADOS

QUE RICO CHEIRINHO!

escolinha de música
AS ONDAS
ONDAS UMA A UMA
ATRÁS DELE VÂO.
FAZ DA BRANCA ESPUMA
BOLAS DE SABÂO.

TRÊS IRMÂS

TRÊS IRMÂS

COMIAM MANÇÂS.

VIERAM TRÊS RÂS

DERAM-LHES ROMÂS.

E AS TRÊS IRMÂS

QUE COMIAM MAÇÂS

COMERAM ROMÂS

AO PÉ DAS TRÊS RÂS.

Lourdes custódio

DOIS

DOIS MACAQUINHOS A SALTAR

DE ÁRVORE EM ÁRVORE A BALOIÇAR.

ADORAM BANANAS COMER

E NA SELVA VIVER!

María Joâo Mateus Olinda Moreira Vieira

TRÊS

O PALHAÇO ENGRAÇADO

SALTA E DÁ CAMBALHOTAS.

ATIRA TRÊS BOLAS AO AR

E SÓ ELE AS CONSEGUE APANHAR!

1, 2, 3, 4,

1, 2, 3, 4

DUAS GALINHAS MAIS DOIS PATOS

FUGIRAM DO GALINHEIRO

FOI A CORRER O COZINNHEIRO

E DEU-LHES COM O SAPATO!

Tradicional

CINCO

CINCO GRILOS A CANTAR

NO CAMPO VERDE A CORRER

FOLHAS FRESQUINHAS DE ALFACE

GOSTAM MUITO DE COMER!

María Joâo Mateus Olinda Moreira Vieira

 

PROFISSÔES

SOU A PADEIRA

VENDO PÂO QUENTINHO

DE CENTEIO OU TRIGO

E BEM TOSTADINHO.


SOU O BOMBEIRO

PRONTO A AJUDAR

A APAGAR O FOGO

OU ALGUÉM A SALVAR.

SOU A PROFESSORA

ADORO ENSINAR

A LER, A ESCREVER

E TAMBÉM A CONTAR

Loures Custodio

BURRO E A VAQUINHA

NO CAMPO DE RELVA VERDINHA

ESTÂO A PASTAR O BURRO E A VAQUINHA.

TUDO COMEM SEM PARAR

E COM O ALFA GOSTAM DE BRINCAR!

María Joâo Mateus Olinda Moreira Vieira

FAMILIA

A MINHA FAMÍLIA

GOSTA DE MIM COMO SOU.

DESDE QUE NASCI

COM ELES GOSTO DE ESTAR.

QUANDO ESTAMOS JUNTOS

É UMA ANIMAÇÂO.

ADORO A MINHA FAMÍLIA

DO FUNDO DO CORAÇÂO!

María Joâo Mateus Olinda Moreira Vieira

A MAMÂ É A ROSA
QUE O PAPÁ COHEU.
EU SOU O BOTÂO
QUE A ROSA DEU...
 


A MINHA FAMÍLIA

A MINHA FAMÍLIA

VOU DESENHAR

COM MUITO CUIDADO.



CADA UM NUM CORAÇAO

EM CARTOLINA RECORTADO

O PAI...A MÂE...O IRMÂO...

DE CORES DIFERENTES

PARA NÂO ME ENGANAR

QUANDO OS QUISER ENTREGAR.

AH!JÁ ESTOU A VER...

TANTOS BEIJOS QUE VOU RECEBER!

 
CASA

TENHO UMA CASA PARA MORAR

COM UM TELHADO PARA ABRIGAR.

TEM JANELAS, PORTA, CHAMINÉ

QUE BONITA QUE ELA É!

María Joâo Mateus Olinda Moreira Vieira

PAI

PAI QUERIDO, ÉS MEU AMIGO

EU SEI QUE POSSO CONTAR CONTIGO

ÉS CORAJOSO E FORTE A VALER

QUERO SER COMO TU QUANDO CRESCER!!!

María Joâo Mateus Olinda Moreira Vieira

MÂE

QUE BOM É SENTIR OS ABRAÇOS DA MINHA MÂE!

QUE BOM É PASSEAR E CONVERSAR CONTIGO!

MÂE, ABRE ESTE PRESENTE.

EU SEI QUE VAIS A FICAR CONTETENTE!

María Joâo Mateus Olinda Moreira Vieira

O CÍRCULO

SOU REDONDO, REDONDINHO.

NAS RODAS DA TUA BICICLETA

OU NO CARRO DO PAI

RODO, RODO, SEM PARAR.

NÂO TE ESQUEÇAS DO COGUMELO

COM PINTAS REDONDAS, REDONDINHAS, ASSIM COMO O ARCO DO TRAPEZISTA.

ADIVINHA LÁ, DE QUE FORMA GEOMÉTRICA ESTOU A FALAR?

BOA!!!!...SOU O CÍRCULO!!.

María Joâo Mateus Olinda Moreira Vieira

QUADRADO

SOU O QUADRADO, MUITO ENGRAÇADO

COM QUATRO PAUZINHOS, UM DE CADA LADO

TODOS DO MISMO TAMANHO

FICO COM OS LADOS TODOS IGUAIS

SOU UMA FORMA GEOMÉTRICA

QUE APAREÇO EM MUITOS LOCAIS!!

María Joâo Mateus Olinda Moreira Vieira

TRIÂNGULO

TRIÂNGULO AVENTUREIRO,

NAS VELAS DO BARCO A NAVEGAR.

COM TRÊS LADOS DO MAR.

SOU  O TRIÂNGULO,

UMA FORMA FANTÁSTICA, PODES CRER.

SOU O TRIÂNGULO, TEU COMPANHEIRO,

ADORO QUE ME VENHAS CONHECER!.

María Joâo Mateus Olinda Moreira Vieira


SENTIDOS

COM O NARIZ CHEIRO A FLOR.

COM A LÍNGUA SABOREIO O CHOCOLATE.

COM OS OLHOS VEJO O GATO.

COM OS OUVIDOS OuçO O SEO MIAR.

E COM AS MINHAS MÂOS

UM ABRAÇO TE VOU DAR!

María Joâo Mateus Olinda Moreira Vieira


CIÊNCIA

PORQUE CHOVE, QUERES SABER?

A CORTIÇA FLUTUA NO MAR?

PORQUE HÁ CORES NO ARCO-IRIS?

O FEIJÂO NO ESCURO IRÁ GERMINAR?

A  CIÊNCIA É DIVERTIDA!

COMENÇA POR OBSERVAR,

FAZ A PREVISÂO

E TOCA A EXPERIMENTAR.

Loures Custodio.
 
 
DEDOS DA MÂO


Que dedo está escondidinho?

Está o bolo a furar.

Entâo, nâo é o anelar.

Que dedo está escondidinho?

tem um anel em seu redor

Entâo, nâo é o indicador.

Que dedo está escondidinho?

é pequeño e tem remédio.

Entâo, nâo é o dedo medio.

Que dedo está escondidinho?

Um que me está a apretar.

Entâo é o polegar!



Loures Custódio
 
COMO COMO

COMO CARNE, COMO PEIXE

SEM UM AI...

PARA FICAR FORTE PARA FICAR FORTE

IGUAL QUE AO PAI!



COMO FRUTA E LEGUMES

MUITO BEM

PARA FICAR GRANDE, PARA FICAR GRANDE

IGUAL À MÂE!



BEBO LEITE, IOGURTE

COMO PÂO

COM DOCE OU QUEIJINHO

PARA CRESCER FORTE

PARA FICAR GRANDE

E BONITINHO!...

LOURES CUSTÓDIO
 
HORA DO BANHO
QUE BOM É ENTRAR
NA ÁGUA QUENTINHA
EM NUVENS DE ESPUMA
BRINCAR Á NOITINHA!
 
SABE MESMO BEM
UM GRANDE TOALHÂO
VESTIR O PIJAMA
E APRETAR O ROUPÂO.
BENEDITA STINGL
 
LETRAS
com A se escreve AMELIA,
AUGUSTO, ASA, ALGODÂO,
AMOR, ALFACE, ANANÁS,
AÇUCAR, AGULHA E AVIÂO.
Antonio Mota


COM I SE ESCREVE IRENE

ISIDRO, ILHA, INVENÇAO,

ILUSIONISTA, IDEIA, INFINITO,

INTERVALO, ISCA E IRMÂO.
Antonio Mota
 
  LUA CHEIA 2 - 3 ANOS. MUNDICULTURA

O LIMÂO É AMARELO.
 
AMARELO É O MEU....(NOME DA CRIANÇA)
AMARELO É O SOL.
AMARELO É O MARMELO.

EM CASA DA CENTOPEIA
TODOS CONTAM ATÉ TRÊS:
UM, DOIS, TRÊS.
 

OLHA COMO CHUTO
A BOLA: UM, DOIS, TRÊS!
OLHA COMO ATIRO
COM A BOLA: UM, DOIS, TRÊS!
OLHA COMO LEVO
A BOLA: UM, DOIS, TRÊS!
(Máximo Carchenilla)


Um, dó, li, tá
quem está livre
livre está!


Pedra, pedrinha
pequenininha.
Nesta mâo
está a pedrinha.
(Máximo Carchenilla)

A minha bol
salta e rebola
de uma mâo
para a outra.



TENHO UMA CABEÇA


CON MUITO CABELINHO,


OLHINHOS ALEGRES


E LABIOS BONITOS


(Inés Cuadrado)





DE GATAS DE GATAS


VAI O GATINHO.


DE GATAS DE GATAS


VAI DEVAGARINHO.


(gatinhar, recitando o lengalenga, como se fossem gatinhos)


A RASTEJAR, A RASTEJAR


VAI ASERPENTEA RASTEJAR,


A RASTEJARVAI MUITO SORRIDENTE.


(restejar como as serpentes)


ACABA- SE A HISTÓRIA
O VENTO A LEVOU
PELO MAR ADENTRO ENTROU

ESTA É A HISTÓRIA DA CANASTRA
E COM ISTO, ALASTRA QUE ALASTRA.
(Canastra: cesto grande de palha ou de vime)


HALLOWEEN

FANTASMAS MALVADOS

VÂO ENFEITIÇAR

TODOS OS SERES VIVOS

DESTE LUGAR.

PREPARAM CONJUROS,

POÇOES, BEBERAGENS.

MENINOS DISFRAÇADOS

DOCE DE ALGODÂO.

COM GRANDES CABEÇAS

METEM MUITO MEDO

E UMAS CAVEIRAS DIZEM:

CÁ TE ESPERO!

LÁ VEM UM VAMPIRO,

VOU-ME JÁ ESCONDER

JÁ ESCONDER.

TREMEM-ME AS PERNAS.

AI, QUE HEI DE EU FAZER?

(EDUCADORES DE INFÂNCIA)


ADAINHAS (EDUCADORES DE INFANCIA, EDIBA)

ESTA É A CASA QUE O JOÂO CONSTRUIU...

ESTE É O QUEIJO QUE ESTAVA NA CASA

QUE O JOÂO CONSTRUIU...

ESTE É O RATO QUE COMEU

O QUEIJO QUE ESTAVA

NA CASA QUE JOÂO CONSTRUIU...

ESTE É O GATO QUE COMEU O RATO, QUE COMEU

O QUEIJO QUE ESTAVA

 NA CASA QUE JOÂO CONSTRUIU...

ESTE É O CÂO QUE PERSEGUIU

 O GATO QUE COMEU O RATO,

QUE COMEUO QUEIJO QUE ESTAVA

 NA CASA QUE JOÂO CONSTRUIU...

ESTA É A VACA DE CORNO TORCIDO QUE PATEOU

O CÂO QUE PERSEGUIU

 O GATO QUE COMEU O RATO,

QUE COMEUO QUEIJO QUE ESTAVA

 NA CASA QUE JOÂO CONSTRUIU...

ESTE É O QUINTEIRO AMIGO QUE ORDENHOU


A VACA DE CORNO TORCIDO QUE PATEOU

O CÂO QUE PERSEGUIU

 O GATO QUE COMEU O RATO,

QUE COMEUO QUEIJO QUE ESTAVA

 NA CASA QUE JOÂO CONSTRUIU...
 
Para jugar o conto redondo




TRAVA- LÍNGUAS (EDUCADORES DE INFANCIA)

 

ANTÂO GRANDALHÂO,

COME, CIOME, COMILÂO!

COME PÂO E COME QUEIJO,

CHOCOLATE E CARAMELO,

COME AÇÚCAR E TORRÂO.

COME, COME COMILÂO!

 

O GATO GATINHA,

A TORNEIRA GOTEJA,

O MAGO E A MAGA

SEU GORRO PASSEIAM.




SE EOU COMO, COMO, COMO


E TU COMES COMO COMES,


COMO COMES COMO COMO


SE EU COMO COMO COMO?


 


NO MONTE HÁ UMA CABRA

ÉTICA, PERLÉTICA, PELAMBRÉTICA,

PELUDA, PELAPELAMBRUDA.

TEM UNS FILHOS

ÉTICOS, PERLÉTICOS,  PELAMBRÉTICOS,

PELUDOS, PELAMBRUDOS

SE A CABRA NÂO FOSSE

ÉTICA, PERLÉTICA, PELAMBRÉTICA,

PELUDA, PELAPELAMBRUDA.

NÂO TERIA  FILHOS

ÉTICOS, PERLÉTICOS,  PELAMBRÉTICOS,

PELUDOS, PELAMBRUDOS.
 


 

No te pierdas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...